Analytics
Beauty Airlines Menu

Viewing all items for tag Adidas

Permalink:

Ideia: presentes de Natal personalizados <3

Não há dúvida de que as ideias mais simples são as que, por vezes, têm maior impacto.Se há prendas, press-releases ou atitudes que derretem o meu coração-de-editora-de-beleza-que-já-viu-de-tudo, são os que foram personalizados ou pensados exclusivamente em mim.
Recentemente, por exemplo, uma grande e querida amiga, ofereceu-me no meu aniversário, um calendário de advento, com uma mensagem escrita à mão para cada dia do advento. Foi das coisas mais carinhosas que já recebi sobretudo quando as mensagens eram… #quotes do Gary Vaynerchuk de quem sou mega, ultra, fã.

Este Natal, a personalização de um objecto pode ser o presente mais bem pensado da saison. Quem não se derrete ao ver a sua fotografia numa latinha da Nivea? Deixo aqui as marcas que, neste Natal (algumas oferecem o serviço durante o ano todo), permitem transformar uma prenda numa peça única e inesquecível.

Lista de marcas fofas que permitem fazer presentes de Natal personalizados:

  • Nivea – a marca tem 4000 latas do icónico Creme Nivea para oferecer, que podem ser personalizadas com uma fotografia à escolha. Basta ir ao site da Nivea, preencher um formulário, escolher a sua fotografia e enviar um talão de compra de um qualquer produto Nivea.
  • The Body Shop – Para celebrar o seu 40º aniversário e o trabalho em campanhas contra os testes em animais, a The Body Shop deu uma nova imagem de Natal a um dos seus produtos mais icónicos. Na compra de uma Body Butter de 200ml ou 400ml, nalgumas lojas e datas (para saber quais, consulte o site), poderá personalizar, gratuitamente, a embalagem, com a palavra que quiser e o desenho de um dos quatro animais exóticos à escolha.
  • Atelier Cologne – a marca francesa oferece um serviço de engraving nas lojas Sephora do Chiado, Colombo, Norteshopping e ECI Lisboa e Porto. Na compra de um perfume de 100ml é oferecida uma embalagem de 30ml vazia (+pipeta parapoder encher) e a gravação na capa em pele.
  • Adidas – Com a disponibilização do e-commerce em Portugal, a adidas possibilita também a optimização das escolhas e compra de produtos  de Moda – adidas Originals – e desporto – running, training, futebol, etc. A cereja no topo do bolo é a possibilidade da customização de peças de têxtil e sapatos de desporto e moda com um nome, data, siglas… tudo o o que pretender!
  • Sephora  – O serviço “Atelier Gravura” é oferecido, durante todo o ano, a todos os clientes que comprem um perfume igual ou superior a 100ml. Este serviço está disponível apenas no Centro Comercial Colombo e Norteshopping.

Follow more on:
Instagram // snapchat // youtube // bloglovin

 

 

  • Obrigado por deixar um comentário. Os códigos HTML permitidos são strong, code, e href.

Permalink:

É sexta-festa! Yeah!!

curly

Mas antes de descolar, descubra o que me tirou os pés do chão, esta semana:

> Vocês não estão a perceber a dimensão desta notícia: os emojis de cabelos encaracolados chegarammm!!  Teen Vogue

> Querido Pai Natal: sabes que gosto de ténis, não sabes? E que sou um 39, sim? (despacha-te: é que destes só há 45 pares) – Vogue.pt

> Digam olá ao verniz de unhas em spray! E a avaliar pelo vídeo é mil vezes mais fácil de usar… – Youtube.com / Nails Inc.

> Tenho um fraquinho por calendários de advento. E pela marca Jo Malone. Se juntarmos os dois o que é que dá? <3  – Jo Malone

> (E agora algo completamente diferente) Lindo, lindo, lindo, o trabalho desta artista de henna! –  Deepali Deshpande 

  • Obrigado por deixar um comentário. Os códigos HTML permitidos são strong, code, e href.

Permalink:

A primeira micro-mini-maratona


Acho que fui meio ao engano… há um bom mês ou mais atrás chegou o desafio, do dep. de rp da Adidas em Portugal: “queres participar na mini-maratona de Lisboa?”. À segunda frase fiquei convencida: “pode-se fazer a pé“. Ah bom, então vamos, respondi. Se há coisa que gosto é de viver novas experiências e, como correr não é o meu forte (antes pelo contrário), esta oportunidade parecia perfeita para ver de perto uma corrida, sentir as emoções, viver a adrenalina e ter um cheirinho desse bicho misterioso do running que, confesso, acho que agora entendo melhor…

Nunca fui muito de corridas, mesmo quando fazia muito desporto. Joguei basket (até passei brevemente pelo Algés, graças ao incentivo do meu prof João Coutinho), andei a cavalo, fiz ballet, natação, ginástica desportiva e, pasme-se, até curso de pára-quedismo (sim, queda-livre e tudo), curso de mergulho e, acho que também conta para o currículo, três saltos de asa delta no Rio de Janeiro.
Pode dizer-se que gosto de emoções fortes embora, depois de ser mãe, a coisa tenha amainado bastante. Isso e a hérnia discal (aviões que ficam sem gasolina a caminho de saltos de pára-quedismo não dão bom resultado… um dia conto a história), tornaram-me uma rapariga (cof, cof…) mais pacata. Ele foi o yoga, o power plate e o pilates até que se deu a epifania com o Bootcamp do Epic Sana: “eh, afinal ainda posso treinar como gente grande!” Desde o início deste ano que faço Crossfit e, admito, estou meia nerd com a coisa…

Correr é que nunca tem feito parte desta equação, até hoje. Não vou dizer que vi a luz mas vi o Vasco da Gama (a ponte a pé é um privilégio) e… gostei. Andei mais do que corri mas bebi todos os minutos. Senti-me insignificante quando passaram por mim centenas de pessoas, de todas as idades, de todos os géneros, saudáveis e doentes, cada pessoa com a sua facilidade ou com a sua batalha, passo-a-passo, convictos, em partilha ou isolamento. Recordo uma grávida, sorridente e de headphones, um senhor a quem só vi a nuca enrugada que denunciava a idade avançada, um casal simpático com o filho, a quem o pai incentivava carinhosamente: “vá, vamos lá, devagarinho”, uma senhora toda lampeira e fit, com uns bons sessenta e muitos anos, um homem novo que coxeava, com um problema na perna, casais e parelhas em sintonia, grupos com t.shirts dos mais variados comércios (restaurantes de churrascos e afins, acho que vi uma dúzia)… e as centenas e centenas de pessoas absolutamente inspiradoras.
Se a corrida é isto (também), acho que vou querer mais um bocadinho.

Obrigada à Adidas pelo convite e aos fantásticos companheiros de viagem, a Sónia Fernandes, rp da Adidas, a Rita Machado, directora da LuxWoman, o Roberto Esteves, do Quiosque do Ken e à Helena Coelho, que não conhecia, do Devil Wears Louboutin. Valeu! Quando é que é a próxima?

ps. corram lá ao SnapChat, se forem hoje/amanhã ainda vêm os detalhes antes da prova e um review a alguns dos produtos que usei hoje. > @SusanaVoguePT

Permalink:

Os amigos do bootcamp

É verdade, fiz bons amigos no Bootcamp do Epic Sana (se por algum acaso não acompanharam o bombardeamento de posts, vejam aqui, aqui, aqui e aqui e também na VOGUE de Agosto que está agora nas bancas, tão lindinha com a Daniela Ruah na capa e com o artigo sobre a minha experiência do Epic Fitness Luxury Bootcamp)  mas, não é deles, dessas pessoas fantásticas que conheci no grupo dos Warriors participantes, incluindo o PT Marco Baioa, que quero falar. Houve outros participantes, mais invisíveis, que fizeram TODA a diferença na experiência. Pelo prazer que me deram a utilizá-los, pela segurança e pela componente prática.

Senhoras e senhores, meninas e meninos: os meus companheiros indispensáveis do Bootcamp:

photo 2

* Brume Solaire SPF 30, da Biotherm. Uma “nuvem” transparente em spray, não oleosa e de secagem rápida com um grau de protecção elevando, permitia-me reaplicar com rapidez, sem precisar de espalhar e sem estardalhaço. Aprovadíssimo.

* Garrafa SIGG. Tínhamos sempre garrafas de água à disposição mas a minha boa e velhinha SIGG acompanhou-me sempre dentro e fora dos treinos. Era só “recarregá-la” na fonte do ginásio, com a boa águinha fresca com limão do restaurante e assim evitei, na medida, do possível, um grande consumo de garrafas de plástico. Não basta falar ou escrever, é preciso fazer.

* Monitor de frequências cardíacas da Polar. Emprestado pelo PT foi um instrumento indispensável nos treinos e que eu julgava ser um gadget perfeitamente over-hyped. Nada disso. O monitor permite-nos saber, vigiar e manter a “zona” onde queremos estar, durante um treino. Na zona onde “queimamos” a valer e fazemos alguma coisa de útil ao sistema cardio-vascular ou, na zona onde só estamos a fazer “festinhas” ao coração. Está na minha lista de compras-fitness.

* Elástico de cabelo Invisibobble. Sim, os famosos elásticos “torcidos” servem para alguma coisa. Perdi a conta ao número de vezes que fiz e desfiz um rabo-de-cavalo ou em que atei o cabelo num “bun”. Este Invisibobble aguentou-se à bronca e superou um verdadeiro haircamp sem me arrancar cabelos desnecessários ou deixar marcas. Aprovado!

* Anne Möller, Aqua Sol ADN Roll on Solaire, SPF 50 para zonas frágeis. É uma marca pouco conhecida mas que me tem conseguido surpreender com os seus produtos. Este roll-on de protecção solar elevada é um deles. Prático, leve e eficaz, sem colar ou ficar peganhento. Recomendo imenso.

* Vichy, Capital Soleil, BB creme SPF 50 com cor, toque seco. O Verão ainda não acabou e estou a testar muitos produtos solares mas este está no topo dos meus favoritos até agora. Da textura ultra leve e com uma leve cor que disfarça a brancura de quem gosta ou tem de usar protecção elevada no rosto. Prático, com o selo de confiança dos protectores solares da Vichy e nesta abordagem BB, bem conseguida. Seria um produto que eu compraria se deixasse de ser editora de Beleza.

* ISDIN, fotoprotector Gel Creme Combi, Lábios e Corpo, SPF 50. Já perceberam que eu gosto de protectores solares. É verdade e o Bootcamp também me pareceu um cenário de condições extremas para testar alguns deles. Este é outro vencedor, super prático pois pode pendurar-se ao pescoço ou à mochila para reaplicar rapidamente nos lábios (o stick encastrado na tampa), no rosto ou no corpo (o conteúdo da embalagem). O único senão deste produto, que achei prático e eficaz a nível de cobertura, é a textura, tanto do protector líquido como do stick pois dá um efeito esbranquiçado aos lábios/rosto e corpo.

* Óculos de sol Polaroid. Abençoada hora em que os levei. Além de giros, com um efeito espelhado colorido ao estilo 80’s, leves e resistentes, aquilo que alegam parece mesmo ser verdade. É notório o descanso dos olhos durante horas a fio perante grande intensidade solar. Num dos treinos levei por engano outros óculos de sol e foi incomparável o conforto entre um par e o outro. Os Polaroid aguentam-se no lugar durante Burpees, Spartas e Tabatas (googlem!) e filtram 100% da radiação UV. Já não passo sem eles e compraria outros se os perdesse.

* Casaco de fato de treino Adidas x Farm. Confesso, levei o casaco porque adoro quase todas as peças da colecção em parceria com a Farm e achei que ia dar um pouco de “estilo” aos meus outfits de treino. Não só fez sucesso e foi elogiado como cumpriu toda a sua função de abrigo, leveza e conforto, antes, durante e depois dos treinos. Não passo sem!

That’s it folks! Bons treinos, boa praia ou piscina mas não se esqueçam dos vossos essenciais!

photo 1

photo 3

 

 

  • Obrigado por deixar um comentário. Os códigos HTML permitidos são strong, code, e href.

Permalink:

Sara soma e segue!

Sou fâ das colecções de Jeremy Scott para a Adidas e hoje fiquei duplamente entusiasmada: Sara Sampaio é a protagonista da colecção que celebra os 10 anos de colaboração entre o designer e a Adidas. A linha está disponível nas lojas a partir de dia 12 de Julho e inclui peças masculinas e femininas. Mais uma vez, difícil é escolher…

20140707-182119-66079539.jpg

20140707-182133-66093414.jpg

20140707-182131-66091283.jpg

20140707-182132-66092333.jpg

20140707-182135-66095596.jpg

20140707-182134-66094473.jpg

20140707-182136-66096741.jpg

  • Obrigado por deixar um comentário. Os códigos HTML permitidos são strong, code, e href.